segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

Resenha: Belo Sacrifício

Título: Belo Sacrifício - Irmãos Maddox 3
Gênero: New Adult.



Título Original: Beautiful Sacrifice .
Editora: Verus Editora
Autor: Jamie McGuire.
Sinopse: Falyn Fairchild pode fugir de qualquer coisa. Depois de ter deixado seu carro, educação e até mesmo seus pais, a filha do próximo governador do Colorado está de volta em sua cidade, sem dinheiro e servindo mesas no Bucksaw Café. Após cada turno, Falyn enche sua caixa de sapato, esperando um dia ter dinheiro suficiente para comprar uma passagem para o único lugar que ela pode encontrar perdão: Eakins, Illinois. No momento que Taylor Maddox senta na seção de Falyn no Bucksaw, ela sabe que vai ter problemas. Taylor é charmoso, sedutor e lindo mesmo coberto de sujeira - fazendo dele tudo o que Falyn acredita que um bombeiro é. Falyn não está interessada em se tornar mais uma estatística, e para um garoto Maddox, uma garota desinteressada é um verdadeiro desafio. Quando Falyn descobre qual lugar Taylor chama de lar, tudo muda. No fim, a persistência do Maddox bate contra o talento de Falyn de fugir. E pela primeira vez, Taylor pode ser aquele a se queimar.

Bom, quem me conhece sabe o amor condicionado que tenho pelos Irmãos Maddox! Por isso foi um imenso prazer conhecer Taylor Maddox (não vou descreve-lo, vou dizer apenas que a genética Maddox o faz tão irresístivel quanto qualquer outro garoto Maddox).
O livro é narrado por Falyn, ex-menina rica que fez voto de pobreza e se rebelou contra os pais, e foi trabalhar em um café lotado de turistas em sua cidade, depois de abandonar a faculdade de medicina, claro que não é só isso a história dela. Impressão minha mas os Maddox curtem essa onda de garotas que tem grande e sérios desafetos familiares? Espero que Tyler fuja dessa estatística, um pouco cansada desse drama familiar. Falyn tem segredos e talvez pela primeira vez um Maddox pode se ferrar bem bonito nas mãos de uma mulher.


Acontece que os segredos de Falyn não assutam Taylor, que permanece inabalável nessa conquista, mas outros motivos podem fazê-lo pensar melhor. E quanto as coisas começam a se acertar: POW! uma bomba na felicidade de casal ameaça não somente a relação, mas o futuro e o ego de Falyn. (quem se lembra de Taylor aparecendo em Bela Redenção?).
E sobre Taylor ele nem chega perto de ser briguento como os outros, pelo que tenho notado em minha analise de dados, os surtos violentos vem diminuindo a cada lançamento, se isso continuar talvez Tyler seja um monge Tibetano.

De forma geral, o livro é bom, mas não superou minhas expectativas, apesar da proposta ser boa, e o "segredo" está bem entrelaçado ao enredo da trama, os acontecimentos mais importante que acontece com Tyler são cegos pra gente, já que fica-se muito focado na rotina e vida dela, isso não acontece nos demais livro da série, então me incomodou bastante. Pouco sabemos e conhecemos de Tyler. E sobre o final que é onde haveria muito mais narrativas dos dois juntos, a estória corre e fatos impressionantes/importantes não são desenvolvidos com cuidado. Terminei com a sensação de que Tyler sequer é um Maddox por conhecer muito pouco dele.
Nesse livro também dá pra perceber características comuns entre os comportamentos dos irmãos, acontecimentos que dão a impressão de Déjàvu, por se repetirem em todos os livros.

Agora que a ansiedade passou, espero que a capa brasileira seja bem bonita pra me motivar a comprar pra minha coleção.

Quem já leu?

Beijos,
Bru =)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...