quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

Resenha: O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares/ Ranson Riggs


"Era como se estar ali tivesse alguma espécie de efeito narcótico sobre mim; como se a própria fenda fosse a droga - ao mesmo tempo um estimulante e um sedativo"

RESENHA:
Começamos com uma relação avô e neto, com direito aos nostálgicos contos fantásticos do avô que encantava e despertava em seu neto as melhores e maiores fantasia, mas toda criança cresce e assim como deixa de acreditar em papai noel, Yakob deixa de acredita nas história do avô e a questionar tudo o que o encantou na infância.
Mas talvez seu avô só lhe tivesse contado verdades, tudo bem que elas eram no mínimo peculiares, mas e se houve uma chance de tudo aquilo ser verdadeiro e ele ter duvidado daquele que foi mais que referencia em sua infância?
Eis que surge uma chance pra desvendar esse mistério e os segredos de seu avô!
O livro e uma fantasia misteriosa, muito bem elaborada, articulada e gostosa de ler.
Yakob sai atras de respostas para o mistério que foi a vida de seu avô, no entanto as informações que ele encontra não são coerentes, as peças do quebra cabeça não se juntam, não fazem o menor sentindo.
Temos no livro um breve introdução de algo maior. Basicamente temos acesso às origens do peculiares por meio da relação avó neto. Assim como descobrimos o surgimento dos etéreos, sua voracidade e possível evolução, a partir daí podemos ter um vislumbre da guerra que se inicia silenciosa e letal aos peculiares


"Quando a abaixei, ela me deu um beijo leve no rosto e me entregou a maçã.
- Aqui - disse ela. - Você fez por merecer.
- A maçã ou o beijo?
Ela riu e saiu correndo para alcançar os outros".
"Sair com a ex do seu avô seria praticamente incesto".


Ainda não comecei dos segundo, mas tô ansiosa!
Conteúdo exclusivo e em primeira mão? Siga nosso instagram @naoemprestolivros!
Beijos, Bru
=)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...