terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Resenha: Lead - Stage Dive 3/ Kylie Scott


"A falta geral de interesse e consideração para com todos os outros que habitam o planeta era sua definição."


Quem narra o livro é a destemida, ousada e atrevida Lena, que cai de paraquedas na vida da banda Stage Dive, mais precisamente na vida de Jimmy, o vocalista arrogante, rude, superficial, mal educado, narcisista - em reabilitação por uso de drogas e álcool - que acha que tudo e todos podem ser comprados com bens materiais. Combinação bombástica para um casal problema.
Já conhecemos o drama da vida de Jimmy no livro Lick. O que nos dá outros aspectos a serem explorados e descobertos nesse livro.
Lena é contratada para ser a assistente de Jimmy e mantê-lo longe de qualquer estímulo que possa causar uma recaída e uma nova visitinha á clínica de reabilitação.
A mulher é linha dura e não cede aos caprichos do rock star egocêntrico, ela bate de frente com ele consegue o que quer. Porém, a armadura Anti-Jimmy, sofre uma rachadura quando o grandalhão tem um momento de "bad" e fica sentimental a ponto de mostra que tem um coração, até então desconhecido. É á partir daí que Lena começa a ter problemas em separar seus próprios sentimentos, do lado profissional, decide abandonar o trabalho e seguir em frente, já que seu coração sofreu uma grande e miserável traição no passado.
O livro é muito dinâmico e engraçado, com personagem osso duro de roer. Lena é realmente atrevida e não tem medo da fúria de Jimmy, que muitas vezes se comporta como um babaca. Os diálogos que trava consigo mesma é uma comédia á parte. Assim como os passos que tentam para que ela deixe que gostar dele e as trapalhadas em que se envolve. O desfecho é digno de Dirty Dancing, eu adorei! O meu Stage Dive favorito 💙!
Ansiosa pelo lançamento de Deep!


Conteúdo exclusivo e em primeira mão? Siga nosso instagram @naoemprestolivros!
Beijos, Bru

 ❤️😘



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...