quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Resenha: Estranha Perfeição/ Abbi Glines

⛽️ 🚗

 
"Sabia que eu o havia flagrado me olhado e estava gostando daquilo. Era um jogador. Do tipo de que uma garota inteligente devia fugir. Mas eu não era tão inteligente assim. Perdi a virgindade com um cara exatamente como ele."


Sou super fã da série Rosemary Beach e tudo começou com Rush e Blair. Desda forma não poderia jamais deixar de conhecer a história de Woods, eu fui com a cara dele muito antes desse livro, mas o fato dele ser um pau mandado do pai e viver de modo automático e devoto ao trabalho me incomodava demais, tinha a impressão que ele estava em transe e precisava ser despertado para a vida. Bom, parece que o estalo de dedo para a realidade respondia pelo nome de Della.
Eita moça sofrida, e se tem um coisa que essa série explora, além do nosso emocional, são os modelos maternos e paternos que nunca devemos exercer. Os abusos psicólogicos enfrentados por Della desde quando se entende por gente influencia até hoje na vida dela, e não é apenas uma lembrança sofrida, ela realmente tem problemas sérios a serem superados e não é apenas colinho quente e beijo no pescoço que a curará.
Quem se lembra do breve noivado arranjado de Woods? Bom, o pai dele não pegou leve para distanciar o problema Della da vida do filho, só que não contava com o fato do filho realmente romper com tudo e correr atrás da moça. E depois que a felicidade estava a caminho uma noticia pode mudar tudo e o final feliz pode não ter passado de um vislumbre. Parece que o jogo está para mudar e o peso da culpa pode acabar de vez com as chances desse casal.
Estranha perfeição nos leva de volta aos dias ensolarados na praia de Rosemary, com a vista maravilhosa do Golfo e a brisa fresquinha da maresia. Um leitura gostosa, fluída, cheia de paixão, de vida e dramas. Eu amei!


Conteúdo exclusivo, sorteios e em primeira mão? Sigam nosso instagram @nãoemprestolivros!
Beijos, Bru
😘

Um comentário:

  1. Olá!
    Sou apaixonada nessa série. Minha história favorita até o momento é a da Harlow e do Grant, mas a do Woods e da Della não fica atrás.
    A Abbi adora criar personagens femininas que enfrentam muitas dificuldades, né?

    Beijão
    Leitora Cretina

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...