segunda-feira, 28 de agosto de 2017

Resenha - Promíscuo Ser de Partitura Finita/ Cris Coelho


"Todas as formas de magia são válidas no enredo deste conto, conduzidas pela bruxarias herdadas pelo sangue e carma[...]"

 


Sobre o livro...

Não é um romance hot.
Não tem cenas de sexo romantizadas.
Não tem relação afetuosa.
É sexo cru.
É encarceramento emocional, sexual, psicológico.
É doente.


Anna Lara, é nossa protagonistas que vive em uma rede, cercada por pura opressão desde muito cedo.


"Sou fraca, fraca de personalidade, de caráter, de alma... sou um ser pequeno, culpado de tudo o que não se deve fazer em nome do amor."


Uma mãe evangélica fanática. Um pai policial. Um tia umbanda. Uma irmã suicida. Um casamento de promiscuidade concedida. Uma perda causada.
A vida dela é pesada, não há paz! H
Não há cor! 
Não há luz!

Jota, seu marido, é apenas uma variável dentro desse universo de opressão e coerção.

O livro explora um universo místico, misterioso, espiritual e psicológico. Elementos de cultos mediúnicos, celtas...

Um livro curto, com apenas 158p, mas com um peso e intensidade sufocante que não consigo sequer começar descrever. 
A história de Anna não foi finalizada. O ciclo de auto-sabotagem e relações coercitivas não foram rompidos, assim como sua caminhada não chegou ao fim como previsto nas cartas.

Quem aí já leu?
O que vocês acharam da leitura?

Super Beijo, Bru.

Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...